Menu
Busca terça, 02 de março de 2021

Comandante da PM pode ter sido morto com tiros de mais de uma arma

Comandante da PM pode ter sido morto com tiros de mais de uma arma

17 outubro 2011 - 08h15Por Fonte: Matéria
O comandante da Polícia Militar, tenente Mário José Eufrásio da Silva, de 49 anos, pode ter sido morto com tiros disparados por mais de uma arma.

A confirmação, no entanto, só será possível quando o laudo ficar pronto. O prazo é de sete a oito dias.

“Tem indícios de que duas balas que atingiram o tenente são de calibre 38 e uma de calibre 40, mas isso só poderá ser confirmado pelo laudo da perícia”, afirmou o delegado Rodrigues de Freitas.

Uma hipótese é de que um outro policial, enquanto tentava socorrer o comandante da PM, tenha disparado acidentalmente a arma.

A chefe da comunicação social da PM, Major Sandra Regina Alt, confirmou que a corporação ainda não recebeu o laudo da Polícia Civil.

O soldado Adriano Paulo da Silva, de 34 anos, foi preso ontem, em flagrante, acusado de ter matado o próprio comandante. O crime aconteceu na madrugada.

Tudo começou quando o soldado se envolveu em uma ocorrência de violência doméstica com a esposa. Militares em plantão foram acionados para irem à casa do soldado.

Só que o clima ficou tenso e o comandante da unidade foi chamado para ajudar a acalmar o subalterno. Mesmo em férias, Eufrásio foi ao local, desarmado, e acabou morto.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Anvisa alerta para uso do nome da agência em golpes de estelionato
COTAÇÃO
Dólar fecha em queda de 0,07% nesta segunda-feira
CAMPO GRANDE
Jovem é preso pela Polícia Civil com drogas sintéticas
ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA
SAD publica cronograma do ciclo de Avaliação de Desempenho Individual 2021