Menu
Busca sexta, 14 de agosto de 2020
CRIME AMBIENTAL

Empresa de cerâmica é autuada em R$ 5 mil por extração ilegal de argila, interdita local de exploração e apreende retroescavadeira

09 julho 2020 - 18h00Por PM-MS

Durante fiscalização ambiental nas propriedades rurais do município de Eldorado, Policiais Militares Ambientais de Mundo Novo localizaram hoje (9) pela manhã, uma área de extração de argila na região do Distrito de Porto Caiuá, onde havia uma máquina retroescavadeira trabalhando na extração do produto mineral. Uma extensa área de escavação já havia sido aberta. Os Policiais colheram informações de que a atividade pertencia a uma empresa cerâmica, com domicílio jurídico no município de Mundo Novo e a argila era retirada para a fabricação de tijolos.

Em consulta ao responsável pela empresa, a equipe foi informada de que a exploração mineral era executada sem a devida licença ambiental. As atividades foram interditadas até regularização junto ao órgão ambiental e a retroescavadeira foi apreendida. A empresa foi autuada administrativamente e foi multada em R$ 5.000,00, devendo ainda apresentar um plano de recuperação das áreas degradadas e aletradas (PRADA), junto ao órgão ambiental.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL – PMMS - (Contato – TENENTE CORONEL QUEIROZ) tel. – 3357-1500

Deixe seu Comentário

Leia Também

HOMICÍDIO QUALIFICADO
Motoentregador é morto a tiros em Campo Grande e suspeito é um colega de trabalho
Crime aconteceu na noite de quinta-feira (13), no local de serviço dos envolvidos.
ECONOMIA
Caixa credita auxílio emergencial para 4,1 milhões nascidos em agosto
LOTERIA
Mega-Sena acumula mais uma vez e prêmio vai a R$ 27 milhões
PONTA PORÃ
Mulher acaba na delegacia após arremessar filho de 4 anos no chão