Menu
Busca segunda, 25 de janeiro de 2021

Exame confirma que ossada humana é de jovem desaparecida

19 maio 2012 - 15h20
Correio do Estado


Exames detectaram que a ossada humana encontrada por trabalhadores no último mês, na rodovia MS-162, é mesmo de Sandy Luana Honório Cardoso da Silva, de 22 anos, que estava desaparecida de Maracaju (MS) desde 27 de novembro do ano passado.



De acordo com a mãe da garota, o último contato aconteceu através de uma ligação às 18h daquele dia. A filha dizia que estava em Dourados e que retornaria em breve a Maracaju. No local onde a ossada foi descoberta, a Polícia Civil encontrou uma calcinha e um sutiã. Com a realização de um exame de DNA, as suspeitas de que se tratava de Sandy foram confirmadas.



Conforme o site Maracaju Speed, um policial civil de Maracaju é suspeito de envolvimento no caso e já está detido em Campo Grande.


Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Ainda sem aprovação do Orçamento 2021, governo deve controlar gastos
SAÚDE
Estados brasileiros começam a receber vacina de Oxford
SAÚDE
Número de casos de Covid-19 continua alto na maioria das cidades do Estado
NOTÍCIAS
Prêmio Sesc de Literatura abre inscrições para obras inéditas