Menu
Busca quinta, 29 de outubro de 2020

Homem é preso acusado de abusar sexualmente de enteada de 5 anos

08 fevereiro 2016 - 16h15
Na noite deste domingo, dia 07 de fevereiro, um home de 29 anos foi preso, acusado pela Polícia Civil de abusar sexualmente da enteada, de 5 anos. Os crimes ocorriam quando a mãe da criança, de 24 anos, saía para trabalhar. Vítimas e criminoso são moradores de Rio Brilhante, cidade a cerca de 50 quilômetros de Dourados.

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito teria abusado sexualmente da criança várias vezes. Ele morava com a mulher, de 24 anos, e a enteada desde que a criança tinha 9 meses. Conforme apurou o site Rio Brilhante News, o rapaz aproveitava quando a mulher saía para trabalhar e abusava da menina, de 5 anos.

Ainda conforme a polícia, o último abuso teria ocorrido no fim de semana, quando a cunhada flagrou o rapaz tocando as partes íntimas da criança, em um dos cômodos da residência. Ao chegar em casa, a mãe da menina foi informada pela irmã sobre o crime e a filha confirmou os fatos. Com a criança, a mulher foi até a delegacia e denunciou o crime.

Os investigadores da Polícia Civil conseguiram localizar o suspeito, que estava trabalhando em uma barraca de lanches, em um evento de carnaval. Ele foi preso em flagrante, mas negou os fatos. Segundo o delegado André Luiz de Mendonça Fernandes, a criança revelou que o padrasto acariciava as partes íntimas dela e também a obrigava a tocar o órgão genital do homem.

No depoimento, a criança também afirmou que os abusos ocorreram mais de uma vez. A mãe da criança informou à polícia que a menina teria começado a apresentar um comportamento estranho, com medo de ficar sozinha na casa e também que sempre queria estar perto da mãe, mas nunca havia contado sobre os abusos.

O padrasto responderá por estupro de vulnerável e deve ser encaminhado ao presídio.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SERVIDOR
Governador anuncia promoção de 3,7 mil servidores civis e militares
ECONOMIA
Sancionada lei de incentivos fiscais para montadoras de veículos
POLÍTICA
Mourão diz que posição do governo não é por uma Constituinte
ECONOMIA
Governo pretende economizar R$ 97 milhões com licitação centralizada