Menu
Busca domingo, 12 de julho de 2020
Douramotors - Campanha Julho - Ponta Porã
VINGANÇA

Juíza é assassinada em local de trabalho no Paraguai e suspeito está foragido

28 junho 2020 - 19h00Por Dourados News

A juíza Diana Eveline Mereles Duarte, de 38 anos, foi assassinada na noite deste sábado, dia 27 de junho, no Paraguai, na sede do juizado de Hernandarias, no departamento de Alto Paraná. A vítima atuava na 1ª Instância Civil e Comercial e teve o corpo encontrado no prédio em que trabalhava.

A mulher tinha ferimentos na cabeça e o principal suspeito do crime é um guarda de 28 anos, que cumpria expediente no local. O caso foi descoberto depois que ele foi embora e outros guardas chegaram para assumir o plantão, conforme divulgado pelo jornal paraguaio ABC Color.

A polícia acredita que o guarda tenha matado Diana por vingança, já que a magistrada havia o denunciado por roubo. Foi decretada a prisão do suspeito, que encontra-se foragido. A Côrte do Paraguai  lamentou o ocorrido e solicitou rigor nas investigações pela polícia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CRIME AMBIENTAL
Comerciante leva multa de R$ 37 mil por desmatamento em Bela Vista
EDUCAÇÃO
Sisu tem 814,47 mil candidatos inscritos em todo Brasil
CASSILÂNDIA
Justiça aumenta pena-base de condenado por estelionato
Capital
Polícia de trânsito faz blitz após início do toque de recolher e flagra 5 motoristas embriagados em Campo Grande