Menu
Busca sexta, 24 de janeiro de 2020
Governo MS - Campanha Dengue - Janeiro 2020
POLÍCI

Mãe e filha de 5 anos sofrem queimaduras durante incêndio em casa de madeira

14 agosto 2019 - 15h30Por Campo Grande News

Uma menina de 5 anos e a mãe dela tiveram queimaduras de primeiro e segundo graus ao escaparem de incêndio na casa de madeira onde moram na Rua Eunice Weaver, no Bairro Santo Antônio, em Campo Grande. As duas foram levadas para Santa Casa.

Segundo relatou a avó da criança, Eliana Caramalac, que mora em imóvel na frente da residência que pegou fogo, Kevelyn Aparecida Pacheco, 21 anos, foi acordada pela filha, Alana Pacheco, que estava com as costas pegando fogo. As duas então conseguiram sair da casa a tempo.

Quando os bombeiros chegaram, mãe e filha já estavam para fora da casa, aguardando socorro. As vítimas, segundo o aspirante Gabriel Ferreira Lopes, foram levadas conscientes para o hospital. A menina teve 9% do corpo queimado e Kevelyn, o dobro. Os bombeiros só não informaram os locais da queimaduras.

Eliana diz acreditar que o fogo tenha sido provocado por um curto-circuito porque a fiação da casa da filha é muito velha. O Corpo de Bombeiros, contudo detectou uma ligação clandestina de energia.

A família perdeu roupas, eletrodomésticos e móveis. A residência ficou completamente destruída. No terreno, sobrou outra casa, também de madeira, onde vivem uma mulher com o marido e os filhos.

Quadro de saúde - Conforme a assessoria de imprensa da Santa Casa, mãe e filha deram entrada às 10h50 na unidade. Kevelyn está na área verde do pronto-socorro com queimaduras na região do ombro e braço direito. Já a criança sofreu queimaduras na parte superior do corpo. As duas estão conscientes e orientadas aguardando finalização de exames para avaliação da cirurgia plástica para definição da conduta.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍCIA
Casal é preso com maconha na rodoviária de Ponta Porã
GERAL
Mega-Sena acumula e deve pagar R$ 40 milhões no sábado
ROCHEDO
Polícia investiga morte de garoto de 13 anos com tiro de espingarda disparado acidentalmente por colega em MS
SAÚDE
Hospital de Cirurgias amplia número de atendimentos a municípios