Menu
Busca segunda, 03 de agosto de 2020
AQUIDAUANA

Polícia Militar Ambiental autua assentado por exploração e armazenamento de madeira sem autorização ambiental

31 julho 2020 - 08h30Por PM-MS

Quando faziam patrulhamento ambiental terrestre na região do assentamento Indaiá III, no município, a 45 km da cidade, Policiais Militares Ambientais de Aquidauana constataram ontem (30) à tarde, que o proprietário de um lote do assentamento explorava e armazenava madeira ilegal.

Os policiais apreenderam 4 m³ de madeira da espécie aroeira, que estavam armazenados no lote do assentado já beneficiada em 240 estacas para cerca, várias delas instaladas e sem o Documento de Origem Florestal (DOF). O DOF é o documento do órgão ambiental para se ter em depósito, beneficiar ou transportar qualquer produto florestal.

Parte da madeira instalada na cerca.

O assentado (47), residente Aquidauana, foi autuado administrativamente e multado em R$ 1.200,00. Ele também responderá por crime ambiental, com pena prevista de seis a um ano de detenção. O infrator não informou de onde a madeira fora explorada, porém, o comum tem sido assentados retirarem madeira das Reservas Legais coletivas dos assentamentos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FINANÇAS
Governo deposita salários do funcionalismo nesta segunda-feira (3)
REGIÃO
Paulista é autuado em R$ 116 mil por desmatamento ilegal, inclusive, em área protegida para plantio de pastagem
CASSILÂNDIA
Polícia Militar apreende equipamento sonoro após perturbação do sossego
ECONOMIA
Caixa credita hoje saque emergencial do FGTS para nascidos em junho