Menu
Busca terça, 01 de dezembro de 2020
Faculdade columbia
CRIME AMBIENTAL

Polícia Militar Ambiental de Mundo Novo e Imasul prendem e autuam dois pescadores praticando pesca com 30 redes e apreende os petrechos e 20 kg pescado

31 outubro 2020 - 16h45Por PM-MS

Durante fiscalização no rio Fogui na operação Ictiofauna, Policiais Militares Ambientais de Mundo Novo e fiscais do Imasul flagraram no município de Iguatemi hoje (31) no final da manhã, dois pescadores praticando pesca predatória, utilizando a quantidade absurda de 30 redes de pesca (petrecho proibido).

Os infratores, de 50 e 64 anos, residentes em Iguatemi, que praticavam a pesca predatória tinham armado as redes à noite e na primeira conferência tinham capturado 20 kg de peixes, que apresentavam sinais de captura pelo petrecho proibido. Além do uso dos petrechos ilegais, os pescadores haviam capturado pescado acima da cota permitida, o que também é crime, pois só poderiam ter abatido apenas um exemplar de peixe nativo cada um, conforme a cota prevista nas normas do Estado, pelas espécies que tinham capturado. O pescado, uma caixa de isopor e as redes foram apreendidos.

Os infratores receberam voz de prisão e foram conduzidos à delegacia de Polícia Civil de Iguatemi, onde eles foram autuados em flagrante por crime ambiental de pesca predatória. Se condenados poderão pegar pena de um a três anos de detenção. Eles também foram autuados administrativamente e multados em R$ 900,00 cada um. O pescado será doado para instituições filantrópicas.

Felizmente as equipes pegaram os infratores no início da pescaria, tendo em vista o alto poder de captura do petrecho e a grande quantidade utilizada. Este tipo de petrecho é uma das grandes preocupações da PMA durante suas fiscalizações devido ao seu alto poder de dizimação de cardumes.

Caixa de isopor com pescado apreendidos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

RIBAS DO RIO PARDO
Mulher é presa em flagrante suspeita de agredir filha e matar filhote de pit bull
ECONOMIA
Bolsonaro visita hoje obras da segunda ponte entre Brasil e Paraguai
PONTA PORÃ
Durante patrulhamento PM aborda veículo e encontra maconha a vácuo
LEI
Alterada norma referente ao órgão que fiscaliza controle ambietal