Menu
Busca sábado, 31 de outubro de 2020

Preso golpista que exigia dinheiro para revelar detalhes sobre assaltantes

Preso golpista que exigia dinheiro para revelar detalhes sobre assaltantes

22 dezembro 2015 - 14h30Por Correio do Estado
Joanes Felix Martinez, de 25 anos, foi preso na tarde desta segunda-feira (21) depois de exigir dinheiro do gerente de um posto de combustíveis para passar informações sobre assaltos praticados no estabelecimento.

Consta no boletim de ocorrência registrado sobre o caso, que Joanes procurou o gerente de um posto de combustíveis, localizado na Vila Palmira, em Campo Grande, dizendo que sabia dos constantes assaltos praticados no local.

Para passar informações sobre os autores dos roubos, Joanes cobrou “uma tanqueada de combustível”, no valor de R$ 110. O golpista levou o funcionário até a suposta casa de um dos assaltantes e, na volta, o gerente autorizou o abastecimento do veículo Corsa conduzido pelo autor do crime.

Momentos depois, Joanes entrou em contato com o gerente do posto pedindo R$ 200 para dizer onde estava a arma usada nos assaltos. O funcionário então acionou a polícia, que abordou o golpista no momento em que ele chegava no estabelecimento.

Investigadores da Derf descobriram ainda que Joanes não tinha nenhuma informação sobre os assaltos praticados no posto. O caso foi registrado como estelionato e o acusado levado para a delegacia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Campanha eleitoral tem baixa ocorrência de fake news, afirma Barroso
CRIME AMBIENTAL
Paulista é autuado em R$ 10 mil por erosões em 2 hectares de área, causando degradação de córrego em sua fazenda em Inocência
ECONOMIA
Dívida bruta do governo deverá encerrar o ano em 96% do PIB
REGIÃO
Polícia Militar Ambiental de Campo Grande e Imasul realizam fiscalização na MS 040 e orientam condutores sobre resíduos lançados de veículos às margens de rodovias