Menu
Busca sexta, 22 de janeiro de 2021

Governo estuda mais medidas para evitar a crise

Governo estuda mais medidas para evitar a crise

23 maio 2012 - 16h53Por Infomoney
O ministro Fazenda, Guido Mantega, informou em audiência pública, na última terça-feira (22), que o governo está estudando algumas medidas anticrise. Entre elas está a isenção do IOF (Imposto sobre Operações Financeira) na portabilidade do crédito habitacional.

Segundo o ministro, o mutuário poderá renegociar um empréstimo habitacional contratado antes da atual queda Selic, com prazo de 15 a 20 anos, com taxa de juro elevada para os padrões atuais, sem o pagamento do IOF ou de qualquer outra taxa.

Conforme publicado no jornal Valor Econômico, Mantega acredita que as novas regras farão com que o próprio banco credor do mutuário tenha interesse em renegociara as condições do financiamento para reter o cliente.

Outras medidas

Com relação a inadimplência bancária, o ministro informou que o governo pretende evitar que no momento da reestruturação da dívida antiga sejam cobrados os tributos devidos.

O ministro também informou, que está sendo estuda uma medida para estimular a ampliação do crédito e dos prazos de financiamento de motos.

E por último, o ministro disse que o governo também estuda a desoneração do PIS/Cofins às empresas de saneamento básico, mas negou que haja uma decisão fechada. Segundo ele, o principal obstáculo à medida é o artigo 14 da LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal), que obriga o governo a adotar medidas de compensação para a desoneração do PIS/Cofins.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MS
Em quatro dias, mais de 11 mil pessoas foram vacinadas contra Covid-19 em Mato Grosso do Sul
SAÚDE
Vacinas da AstraZeneca chegam ao Brasil
SAÚDE
Covid-19: Anvisa aprova segundo lote da vacina CoronaVac
CIDADES
Prorrogado por mais 15 dias o toque de recolher no MS