Menu
Busca quarta, 25 de novembro de 2020

No terceiro dia de greve da PM, 17 pessoas foram assassinadas em Salvador

No terceiro dia de greve da PM, 17 pessoas foram assassinadas em Salvador

03 fevereiro 2012 - 16h10
Agencia Brasil

Na madrugada do terceiro dia da greve dos policiais militares da Bahia, a Secretaria de Segurança Pública da Bahia registrou o assassinato de 14 homens e três mulheres em Salvador e região metropolitana. Houve, ainda, duas tentativas de homicídio e o roubo de um carro. Os crimes ocorreram entre a meia-noite e as 7h da manhã de hoje (3).

Quatro corpos foram encontrados na Avenida Jorge Amado, no Bairro de Pituaçu. Os demais foram recolhidos em diversas localidades: Vila Canária, Bairro Sete de Abril, Engomadeira, Jaguaripe, Bom Juá, Ipitanga e Baixa do Fiscal.

Desde o início da greve dos policiais, na quarta-feira (1º), foram registrados 20 homicídios na capital baiana. Hoje, 2,6 mil militares da Força Nacional e de unidades das Forças Armadas são devem chegar a Salvador para garantir a segurança da população. Pela manhã, já havia 1,2 mil militares atuando. Há ainda a possibilidade de que mais 4 mil militares de tropas da 10ª Região Militar, em Fortaleza (CE), sejam acionados para reforçar a segurança na Bahia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DIREITOS HUMANOS
Mídia é parceira no combate violência para mulher, dizem especialistas
JUSTIÇA
2ª Câmara Criminal mantém sentença de condenado por tráfico de drogas
COTAÇÃO
Dólar fecha em queda e cai a R$ 5,32
REGIÃO
Polícia Militar prende autor de ameaça com simulacro em Paranaíba