Menu
Busca segunda, 06 de abril de 2020
Polícia

Espancado brutalmente, padeiro não corre risco de morrer

13 novembro 2015 - 15h25Por Fonte: correiodoestado
Espancado na madrugada de ontem (12) e ferido por cinco tiros, o padeiro José Adriano Costa Sales, de 36 anos, não corre risco de morte. Ele passou por cirurgia e já está na enfermaria da Santa Casa. O padeiro foi espancado a mando de um detento, que atualmente é o marido da ex-companheiro do padeiro, o vídeo que revela as agressões chocou até as autoridades.

Toda a brutalidade com que um rapaz, que ainda não foi encontrado, agride José Adriano causou graves ferimentos no padeiro, que já se recurou e está consciente e orientando, conforme a assessoria do hospital.

O CASO

Estephani Anastácio Alves, de 22 anos, foi presa por volta das 2h desta quinta-feira (12) por equipe do Setor de Investigação Geral (SIG). Ela é acusada de envolvimento na tentativa de homicídio praticada contra o ex-marido, o padeiro José Adriano Costa Sales, 36 anos.

O detento Sandro Serafim Natal, 37 anos, atual marido de Estephani também responderá pelo crime e outros dois autores são procurados por investigadores da Polícia Civil.
De acordo com Hoffman D'ávila Cândido e Souza, da Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) Piratininga, a mulher tem filho com José Adriano e, segundo ela, os dois se desentendem frequentemente por conta da guarda da criança.

Depois do episódio, a mulher entrou em contato com o marido, no presídio, e pediu orientação sobre como agir. Sandro então pediu que a esposa ficasse tranquila porque mandaria alguém para ajudá-la.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVID-19
Brasil tem 553 mortes e 12 mil casos confirmados
INFLUENZA
Saúde distribui mais de 300 mil vacinas para municípios na 1ª etapa da campanha nacional
SAÚDE
Secretaria de Saúde confirma segundo óbito por coronavírus em Mato Grosso do Sul
NOTÍCIAS
Governo de MS aguarda decisão sobre empréstimo para 'estender a mão' a empresas