Menu
Busca quinta, 26 de novembro de 2020

Santos reclama de pedida salarial de Kleber e deixa caminho livre para o Vasco

Santos reclama de pedida salarial de Kleber e deixa caminho livre para o Vasco

28 dezembro 2011 - 16h50
UOL


O Santos desistiu de contratar Kleber. O lateral-esquerdo foi avaliado como reforço caro pelos dirigentes e não faz mais parte dos planos do clube para 2012. Com isso, o Vasco fica livre para seguir negociando a contratação do atual jogador do Internacional.

"O Kleber é um jogador que brilhou no Santos. Tem uma técnica impecável, um passe perfeito e se encaixaria no time para a disputa da Libertadores como uma luva. Só que há uma diferença entre o salário pedido e as possibilidades do Santos. Neste momento, apesar do Kleber fosse um jogador desejado pelo Muricy e pela direção, não há a possibilidade da contratação”, disse o presidente santista, Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro, em entrevista à rádio Guaíba.

A reunião do Santos por Kleber aconteceu na terça-feira. O diretor de futebol do clube, Pedro Luiz Nunes Conceição se encontrou com o pai do jogador, Jordão Correia, para discutir a proposta contratual de dois anos.

"O Santos desistiu por razões meramente econômicas", endossou Luis Alvaro.

Desta forma, o presidente santista garante que a desistência na contratação de Kleber não passa pela presença do Grupo DIS, detentor de 100% dos direitos econômicos do jogador, e desafeto do alvinegro por problemas envolvendo a gestão da carreira de Paulo Henrique Ganso.

"O assunto se resumiu a uma distância entre o valor que o Santos está disposto a pagar para ocupar e ser mais um reforço para a lateral-esquerda e as pretensões legítimas do jogador", finalizou o mandatário santista.

O Internacional aguarda a reunião do representante de Kleber com o Vasco na próxima semana para ter uma definição sobre o futuro do lateral, que tem contrato em vigência até 18 de janeiro de 2013. Na última sexta-feira, o clube gaúcho fez uma proposta para a DIS para permanecer com o atleta na próxima temporada.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO
AGU: nível superior vale como comprovação em concurso para nível médio
Decisão saiu no Diário Oficial da União de hoje
NOTÍCIAS
Ozonioterapia ajuda na recuperação de onça ferida em incêndio no Pantanal
JUSTIÇA
Motociclista será indenizado por acidente devido ao rompimento de cabos
PONTA PORÃ
Policial Militar aposentado evita roubo