Menu
Busca sexta, 07 de agosto de 2020
CIDADES

Governo estuda "emprestar" leitos do interior para saúde da Capital

05 julho 2020 - 18h00Por Campo Grande News

O Governo do Estado estuda transferir leitos que não estão sendo utilizados nas cidades do interior do Estado para Campo Grande. O objetivo é evitar que o sistema de saúde do município entre em colapso com as confirmações de novos casos do coronavírus. 

Em Mato Grosso do Sul são 10.089 casos confirmados e 117 mortes pela doença até este domingo (5). Só na Capital, são 21 óbitos em consequência de complicações causadas pela covid-19.

Durante a live realizada neste domingo, o titular da Secretaria Estadual de Saúde, Geraldo Resende relembrou que haverá abertura de 18 novos leitos no Hospital do Câncer para o tratamento da covid-19, além da Santa Casa e hospitais privados, mas disse ter intenção de transferir também alguns do interior.

Segundo o secretário as tratativas já tiveram início com as secretarias municipais e prefeituras, mas sem sucesso. “Não conseguimos que esses leitos fossem disponibilizados para a nossa gente”, lamentou.

Contudo, ele reforça que a medida é necessária e será concretizada. “Haveremos de fazer o remanejamento porque não podemos ter esse paradoxo de falta de leitos na Capital quando temos leitos sem utilização em algumas cidades”, disse.

Dados divulgados pela secretaria apontam que a taxa de ocupação de leitos do SUS na macrorregião de Campo Grande, que abrange 34 municípios, neste domingo é de 71%, entre clínicos e de UTI.

O secretário não informou os leitos de quais cidades serão remanejados para Campo Grande e nem quando essa transferência será concretizada. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PEDRO GOMES
Polícia Militar Ambiental de Coxim autua empresa paulista em R$ 320 mil por desmatamento ilegal de vegetação em área protegida em sua fazenda
NOTÍCIAS
Julgamentos do 2º grau do Judiciário de MS crescem 7% em julho
MS
PRF apreende 33,6 Kg de maconha em Água Clara
100 DIAS
Bombeiros intensificam combate a dois grandes incêndios no Pantanal de Corumbá