Menu
Busca segunda, 19 de outubro de 2020
PARAÍSO DAS ÁGUAS

Polícia Civil apreende 14kg de entorpecentes em hotel

22 setembro 2020 - 15h30Por PC-MS

Na tarde de segunda-feira (21), policiais do Setor de Investigações Gerais (SIG) da Polícia Civil em Paraíso das Águas apreenderam 11kg de maconha fracionada em tabletes e 3kg de skunk, divididos em invólucros plásticos, que foram largadas no hotel por uma mulher que estava hospedada após o carro em que estava enguiçar.

Em diligências de rotina, policiais abordaram suspeito em um posto de combustíveis ingerindo bebida alcoólica e perturbando os funcionários do estabelecimento.

O indivíduo apresentou os documentos pessoais e de um veículo Nissan Versa, porém no momento em que os policiais estavam checando os dados, o homem saiu correndo em direção a BR 060 e entrou em um matagal. Os agentes foram atrás dele com lanternas, mas não conseguiram localizar o fugitivo.

Os documentos permaneceram com os policiais e foi constatado que a carteira nacional de habilitação era falsa, entretanto o registro geral (RG) era verdadeiro. Durante investigações, a Polícia Civil descobriu que o veículo tinha enguiçado em Paraíso da Águas/MS e seguido de guincho para uma auto elétrica em Chapadão do Sul/MS.

Em seguida, a proprietária do hotel informou à Polícia Civil que a suspeita tinha saído e uma mala com drogas havia sido deixada no hotel. De acordo com esta testemunha, a mulher - juntamente com 3 cachorros que estavam no veículo foram deixados no hotel por um rapaz da auto elétrica e que possuía uma mala grande. 

A polícia foi até o local, apreendeu a droga e agora investiga os autores do crime. Os documentos do veículo e do suspeito permanecem na delegacia para auxiliar na investigação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Apesar da queda nos números da Covid-19, Secretário alerta para normas de biossegurança
SAÚDE
MS registra queda na média móvel de óbitos por Covid-19, mas população ainda precisa ficar atenta
POLÍTICA
Bolsonaro participa da abertura de fórum econômico com países árabes
JUSTIÇA
TSE rebate notícias falsas sobre urna de 2018 que voltaram a circular