quinta, 18 de julho de 2024

Brasileiros podem usar Enem para entrar em mais quatro instituições de Portugal

Brasileiros podem usar Enem para entrar em mais quatro instituições de Portugal

03 dezembro 2015 - 08h45Por Agência Brasil
Os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) poderão usar as notas na avaliação para entrar em mais quatro instituições portuguesas, informou hoje (2) o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep). A partir do ano que vem, as universidades de Lisboa e de Aveiro e os institutos politécnicos de Coimbra e da Guarda passarão a utilizar o Enem na seleção de estudantes brasileiros.

Entre outros cursos, os interessados poderão concorrer a vagas nas áreas de educação, comunicação e desporto, tecnologia e gestão, turismo e hotelaria e saúde.

De acordo com o Inep, a seleção de estudantes de outros países para as instituições de ensino superior de Portugal terá início em janeiro de 2016. O resultado do Enem 2015 deverá ser divulgado no mesmo mês. De acordo com a legislação portuguesa, até 20% dos alunos das universidades e institutos politécnicos podem ser estrangeiros.

Com as quatro instituições, a lista de universidades e institutos de Portugal que aceitam o Enem como critério de seleção sobe para 11. A primeira instituição do país europeu a permitir o acesso de estudantes brasileiros por meio do Enem foi a Universidade de Coimbra, que, em 2014, começou a aceitar a nota no exame.

Também desde 2014, o Inep tem acordo firmado com a Universidade do Algarve. Em 2015, os institutos politécnicos de Portalegre (IPP), do Porto (IPP), de Leiria (IPL) de Beja (IPBeja) e de Barcelos (IPCA) também assinaram convênios com a autarquia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CONSUMIDOR

Projeto proíbe plataformas de streaming de limitar acesso apenas à residência do usuário

MEIO AMBIENTE E ENERGIA

Projeto de lei inclui plantio de árvores, jardins e hortas entre as medidas socioeducativas

GERAL

Comissão do governo vai definir regras para transporte aéreo de pets

AGROPECUÁRIA

Proposta define regras para rotulagem da carne bovina