Menu
Busca quarta, 22 de setembro de 2021
ECONOMIA

Indicador de Emprego da FGV atinge maior nível desde fevereiro de 2020

Em junho, foram registrados 89,2 pontos, com alta de 1,6 ponto

05 agosto 2021 - 09h30Por Agência Brasil

O Indicador Antecedente de Emprego (Iaemp), calculado pela Fundação Getulio Vargas (FGV), subiu 1,6 ponto de junho para julho e atingiu 89,2 pontos. Esse é o maior nível desde fevereiro de 2020 (92 pontos), período anterior às medidas de isolamento adotadas para lidar com a pandemia de covid-19 no país.

O indicador é calculado com base em entrevistas com consumidores e com empresários da indústria e dos serviços e busca antecipar tendências do mercado de trabalho.

“O resultado positivo sugere que a melhora nos números da pandemia e a redução das medidas restritivas podem estar impulsionando a retomada do mercado de trabalho. Além disso, também há uma expectativa mais favorável em serviços, setor que emprega muito, com a maior circulação de pessoas. Mas é importante ressaltar que ainda existe um espaço para recuperação e que até mesmo o nível pré-pandemia ainda retratava um cenário desafiador no mercado de trabalho”, afirma o economista da FGV Rodolpho Tobler.

Dos sete componentes do Iaemp, cinco contribuíram para a alta de junho para julho, com destaque para o que mede a situação corrente dos negócios do setor de serviços, que cresceu 10,2 pontos no período.

Deixe seu Comentário

Leia Também

INOCÊNCIA
Polícia Militar prende homem que agrediu com uma marreta e pedaço de madeira a própria mãe idosa
SAÚDE
Fiocruz recebe lote de IFA para produção de vacinas
ORDEM DO DIA
Redução de ICMS para nova taxa de luz é aprovada
BOLETIM COVID
Boletim Covid desta quarta-feira tem 8 óbitos, 236 casos e taxa de contágio em 0.80