Menu
Busca terça, 26 de outubro de 2021
PANDEMIA

Jamil Name morre por complicações da Covid, em hospital no RN

27 junho 2021 - 20h30Por G1MS

Jamil Name morre, aos 82 anos, neste domingo (27), por complicações da Covid-19. O até então preso estava internado em um hospital particular, em Mossoró (RN), para tratar da infecção pelo coronavírus.

A família informou ao G1 que "está processando a informação" e de que ainda não iniciaram o trâmite para o translado do corpo, já que o enterro de Name deve ser feito em Campo Grande.

Segundo o advogado dele, Tiago Bunning, Name foi levado do presídio federal de Mossoró para o hospital, no dia 31 de maio, e estava sob escolta de agentes. No início de junho, o acusado pelo Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul de chefiar organização criminosa que teria executado várias pessoas, em Campo Grande, havia sido intubado.

Jamil Name era peça central da operação Omertá que foi deflagrada em setembro de 2019, quando a Polícia Civil de Mato Grosso do Sul e o Gaeco prenderam empresários, policiais e, na época, guardas municipais, investigados por execuções no estado.

A suspeita é que o grupo supostamente comandado por Jamil Name e o filho, Jamil Name Filho, tenham executado pelo menos três pessoas na capital sul-mato-grossense, desde junho de 2018. Outras mortes também estão sendo investigadas.

Em outubro de 2019, Jamil Name foi transferido de Campo Grande unidade prisional de Mossoró (RN).

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPERAÇÃO BOCAIÚVA
PMA prende e autua paranaense transportando filhotes de papagaios retirados ilegalmente dos ninhos
CONCURSO PÚBLICO
Governo abre processo seletivo para contratar analista previdenciário com salário de R$ 4,1 mil
JUSTIÇA
Corregedor pede ao STF compartilhamento de provas sobre fake news
INFRAESTRUTURA
Governo do Estado dá início a construção de quatro pontes em áreas estratégicas de MS