Menu
Busca segunda, 27 de setembro de 2021

Mercedes de seis rodas custará cerca de meio milhão de dólares

Mercedes de seis rodas custará cerca de meio milhão de dólares

26 setembro 2013 - 14h20
G1



O Mercedes-Benz G63 AMG 6x6, jipão de seis rodas apresentado em março passado, deverá custar perto de meio milhão de dólares, segundo a montadora. O preço oficial é 379 mil euros, o equivalente a US$ 513 mil (R$ 1,14 milhão na cotação desta quarta).

Além de caro, o modelo também terá produção limitada. Segundo o site Autoblog.com, ele não será vendido no mercado norte-americano nem em países onde o volante dos carros fica do lado direito, como o Reino Unido e o Japão.
O veículo foi desenvolvido sob a grife esportiva AMG. Focado no terreno off-road, como é tradicional na gama, o G 63 AMG 6x6 tem motor V8 biturbo de 551 cavalos e 77,4 kgfm de torque, com tração nas seis rodas. Segundo a montadora alemã, ele é capaz de enfrentar as dunas mais altas e cruzar rios em trechos com até 1 m de profundidade.

O "jipão" tem 5,87 m de comprimento, quase 2,30 m de altura e 2,10 de largura, e a fabricante quis aliar a robustez do grandalhão, que ela chama de "exterior macho", ao tradicional conforto interno dos veículos de luxo.
"Quem pensa que este é um carro no estilo Rally Dakar está no caminho errado", diz o comunicado da Mercedes. "Os ocupantes conseguem desfrutar do nível mais alto de conforto possível, mesmo nas piores condições topográficas ou metereológicas", descreve a marca.

Além disso, o modelo possui um sistema de controle da pressão dos pneus, que permite ajustar a calibragem enquanto o veículo se movimenta. Para enfrentar terrenos mais difíceis, a transmissão conta com opção de relação mais reduzida das marchas. Os eixos são elevados, em comparação aos comuns, atributo até então utilizado apenas em carros militares, informa a fabricante.

Quando alguma roda perder o contato com o solo, o G 63 AMG possibilita o acionamento dos diferenciais blocantes, que são cinco no total, mesmo com o carro se deslocando. Desse modo, a força de tração será transferida para as rodas que tiverem contato com o piso. As rodas são de 37 polegadas. Junto ao "motorzão" de 5.5 litros, o modelo tem transmissão automática de sete marchas.

O carro utliza, basicamente, peças já existentes no Classe G, modelo que teve sua origem há 34 anos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Deputados derrubam vetos a lei que suspende os despejos na pandemia
MINUTO CIDADANIA
Campanha de Enfrentamento à violência sexual contra crianças e adolescentes
CORONAVÍRUS
Setembro apresenta queda de 56% nas internações por covid em relação a agosto
ECONOMIA
Dívida Pública sobe 1,57% em agosto e aproxima-se de R$ 5,5 tri