Menu
Busca quarta, 21 de abril de 2021
Polícia

Ladrão filma ação criminosa e acaba preso ao levar segunda caminhonete para o Paraguai

Ele comemorou a entrega dos veículos roubados, filmando cenas na fronteira com o país vizinho

03 fevereiro 2015 - 09h25Por Fonte: perfilnews
Um dos integrantes da quadrilha presa ontem (01) pelo Batalhão de Choque da Polícia Militar, em Campo Grande, aparece em vídeo comemorando o roubo de uma camionete Ford Ranger. A filmagem mostra Cláudio Fernandes de Souza Júnior, 20 anos, e outro indivíduo ainda não identificado chegando na fronteira com o Paraguai, onde o veículo foi entregue.

Para arrastar o carro roubado na Capital até o Paraguai ele ganhou R$ 1 mil. Ele acabou preso ao tentar levar uma segunda caminhonete para o país vizinho.

O roubo teria ocorrido na semana passada, na Capital. Em gravação feita no próprio celular, Cláudio aparece de óculos escuros conduzindo a Ranger em alta velocidade (140km/h). Ele e o suposto comparsa gritam: “Tamo chegando, [...] tamo a milhão, uhul!”. Tudo leva a crer que o homem que aparece de boné vermelho seja o quinto integrante, foragido. O caso está sendo apurado – quatro já foram presos.

PRISÃO

Na noite de ontem (01) o Choque prendeu Cláudio, Leandro de Souza Gomes, 31 anos, Jackson Pereira Cavalcante, 49 , e Jonas Alves de Oliveira, 35, acusados de roubo a um homem de 60 anos, nas proximidades de um supermercado no cruzamento da Avenida Fernando Corrêa da Costa com a Rua 14 de Julho, no Centro da Capital.

A vítima estava em uma F-350 e foi abordada por volta das 18h30, por Cláudio e Leandro que estavam armados com pistola. Eles a renderam e a levaram para um cativeiro no Jardim Noroeste. A polícia foi acionada e às 22h30 flagrou a dupla tentando fugir com a camionete da vítima no macroanel da BR-163, região das Moreninhas. Houve troca de tiros e Cláudio foi preso na hora.

Leandro fugiu, mas foi localizado em seguida. A vítima foi resgatada nas proximidades de uma universidade na saída para Três Lagoas e Cuiabá (MT), onde havia sido deixada pelo bando. Na casa onde seria o cativeiro, foram presos Jackson e Jonas. O caso foi encaminhado à Defurv (Delegacia Especializada de Furtos e Roubos de Veículos).

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Arrecadação de março superou as melhores expectativas, diz Guedes
COTAÇÃO
Dólar fecha em leve alta após mudanças no Orçamento
POLÍTICA
Câmara: plantio de maconha para fins medicinais tem parecer favorável
REGIÃO
Polícia Militar no Distrito do Boqueirão apreende 1,5kg de maconha