Menu
Busca quinta, 23 de setembro de 2021
MEIO AMBIENTE

PMA resgata capivara ferida à paulada e pedradas por adolescentes em pátio de condomínio residencial

12 agosto 2021 - 16h00Por PM-MS

Policiais Militares Ambientais de Naviraí resgataram hoje (12) pela manhã um animal silvestre da espécie Hydrochoerus hydrochoeris (capivara) no interior de um condomínio, localizado no conjunto Residencial Deputado Federal Nelson Trad. Os Policiais foram acionados por moradores, pois o animal estava ferido e acuado no pátio do condomínio. Segundo moradores, adolescentes estavam tentando matar o animal ferindo-o à paulada e pedradas.

Uma equipe de Policiais foi ao local e utilizando cambões e puçás, capturou o animal e o colocou em uma jaula de contenção. Os adolescentes que teriam ferido a capivara não foram localizados. Como o bicho apresentava ferimentos na região do dorso e na cauda, os Policiais a encaminharam para à fazenda Green Farm CO2 Free, localizada no município de Itaquiraí, a qual possui estrutura adequada para recebimento e atendimento médico veterinário de animais silvestres. O animal ficará em ambiente apropriado e fica à disposição dos técnicos do Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS), de Campo Grande. O CRAS decidirá sobre remoção à Capital ou reabilitação na própria fazenda até à soltura.

A Polícia Militar Ambiental encaminha à fazenda Green Farm CO2 Free os animais que são apreendidos e capturados naquela região próxima à fazenda, tendo em vista a racionalização de recursos e a não necessidade de movimentação para o CRAS, na Capital. A fazenda que trabalha com questões ambientais relativas à neutralização voluntária de carbono e educação ambiental, possui estrutura especializada de Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS) e também é criadora conservacionista autorizada, bem como trabalha com reprodução de espécies em cativeiro, para a possível reintrodução na natureza.

Essa parceria da fazenda conservacionista com a PMA e o CRAS de Campo Grande é fundamental para racionalização de recurso e minimização de estresse aos animais resgatados, ao reduzir a distância de deslocamento, mas também para a fiscalização, tendo em vista, que devido à proximidade para levar os animais, as equipes não são retiradas de sua atividade fim de fiscalização preventiva, em deslocamentos para trazer animais para Campo Grande, que é muito distante da região. Além disso, assim que os animais são entregues à fazenda, o CRAS da Capital já toma conhecimento e recebe todas as informações do estado de saúde dos animais, dos veterinários da Fazenda que cuidam dos bichos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SEMANA NACIONAL DO TRÂNSITO
Audiência Pública debate "O Compartilhamento das Vias e a Proteção à Vida"
ECONOMIA
Governo zera alíquotas de tributos incidentes na importação de milho
REGIÃO
Polícia Militar e Polícia Civil apreendem adolescente por direção perigosa e desobediência
NOTÍCIAS
Plataforma no portal do TJMS facilita busca de veículos apreendidos