segunda, 22 de julho de 2024
Ponta Porã

Rotary Club Ponta Porã/Pedro Juan Caballero faz doação para Grupo Camará de Capoeira

04 novembro 2015 - 14h56Por Fonte: reporterms
O Rotary Club Ponta Porã/Pedro Juan Caballero – Distrito 4470 – entregou ao Grupo Camará de Capoeira pares de chinelos para atender 70 alunos que participam do projeto em Ponta Porã.

A entrega foi feita pelo presidente do Rotary, Félix Durex Duarte, que estava acompanhado dos membros Jean Carlos Laurindo Borralho, Cezar Merlo e Luiz Carlos Gonzalez. Os chinelos foram recebidos pelo mestre de capoeira do Grupo Camará, José Maria Guedes.

O Grupo Camará é uma Associação com reconhecimento de utilidade pública, está registrada e faz parte do Conselho Municipal de Assistência Social e da Criança e Adolescente, com atuação em Ponta Porã, Antônio João, Caarapó, Bonito, Dourados e Campo Grande.

O objetivo da instituição é desenvolver atividades culturais, esportivas e sociais, voltadas para os jovens em estado de vulnerabilidade social. Pelos relevantes trabalhos prestados, o Grupo Camará foi condecorado pelo Ministério da Cultura, pelo desenvolvimento do projeto Mais Cultura, do qual participam os alunos de escolas públicas, que são assistidos desde o vestuário, instrumentos musicais, aulas teóricas e práticas de capoeira, além de inclusão digital.

Para participar do projeto para o qual o Rotary Club Ponta Porã/Pedro Juan Caballero fez a doação, a criança ou adolescente precisa ter bom desempenho na escola. O objetivo é incentivar o aluno a se dedicar aos estudos e ao mesmo tempo oferecer a oportunidade de praticar um esporte saudável.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Início de operação da fábrica de Ribas do Rio Pardo consolida MS como vale da celulose

ECONOMIA

Mercado voluntário de carbono no Brasil recua em 2023

Dados são do Observatório de Bioeconomia da FGV

BRASIL

Conab recebe mais R$ 115 milhões para apoio à comercialização da agricultura familiar

DIREITOS HUMANOS

Cimi: políticas públicas ainda não frearam violência contra indígenas

Relatório cita fortalecimento e retomada de ações de fiscalização