Menu
Busca terça, 13 de abril de 2021
Governo Municipal

Secretaria Municipal de Segurança Pública completa um ano

24 dezembro 2014 - 08h14Por Fonte: Assessoria
A Prefeitura Municipal de Ponta Porã, através da Secretaria Municipal de Segurança Pública apresentou o balanço anual dos trabalhos, ressaltando a atuação positiva da Guarda Civil Municipal e da Coordenadoria Municipal de Trânsito e Transporte.

O primeiro ano foi de muita ação e dedicação a segurança dos pontaporanenses, de janeiro a dezembro de 2014, foram registrados 229 boletins de atendimento, atendendo casos de furto de veículos, violência doméstica, trote, tentativa de homicídio e tantos outros, que demostrou o empenho desses homens em proporcionar segurança.

Mesmo sendo obrigação do Executivo Estadual, o prefeito Ludimar Novais tinha como objetivo a criação e estruturação da Secretaria Municipal de Segurança Pública, com a certeza que seria um avanço para o município, e hoje a população pode ver que isso é realidade, que o efetivo da Guarda tem atendido as solicitações populares e que o empenho do Prefeito não foi em vão, pois a sensação de segurança aumentou ao ver as rondas a pé, no centro da cidade, e as rondas motorizadas em pontos críticos do município.

O efetivo que cumpre seu oficio, com determinação e coragem, tem ganhado o respeito dos fronteiriços, e eles tem se qualificado para melhor atender, participam de cursos periodicamente, através de convênios com a SEJUSP (Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública), SENASP (Secretaria Nacional de Segurança Pública) e CEFAP (Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças). O secretário Ulisses César Alcarás disse que a Guarda Municipal está preparada para fazer o policiamento comunitário. “E cabe ressaltar que todos os integrantes são pessoas aqui mesmo de Ponta Porã, que mantém aqui seus familiares e, portanto, estão empenhados em defender a ordem no âmbito municipal”.

Diante da criação da Guarda Civil Municipal, viu-se a necessidade da fiscalização do trânsito, pois vivemos numa fronteira seca e as leis de trânsito brasileira não são respeitadas, o fluxo desordenado de motocicletas estrangeiras é uma das causas da lentidão no tráfego, e para atender essa demanda e outras pertinentes ao trânsito, foi criada a Coordenadoria Municipal de Trânsito e Transporte, que de junho a dezembro deste ano emitiu 553 autos de infração, punindo aqueles que oferecem riscos aos demais, que fazem uso de aparelho de celular enquanto dirigem, que não utilizam o cinto de segurança e muitas outras infrações previstas no Código de Trânsito Brasileiro.

O prefeito tornou realidade o Cadastramento de Veículos estrangeiros sem placa que transitam no município, através de Lei 108/2013, e somente assim pôde fazer um diagnóstico da situação, porém há necessidade que todos que possuam motocicletarealizem o cadastramento, pois não existia nenhuma informação anterior que possa subsidiar o executivo, para a efetivação de projetos e tomadas de decisão. Foram realizados cerca de 7000 cadastros e destes, aproximadamente 60% declararam não possuir Carteira Nacional de Habilitação, ficando assim constatado oficialmente o motivo de tantos acidentes envolvendo esse meio de transporte.

Outro trabalho desenvolvido pela Secretaria Municipal de Segurança Pública refere-se a Defesa Civil, hoje instalada em sede na rua Sete de Setembro. A Defesa Civil possui projetos educacionais desenvolvidos nas escolas municipais, preparando as crianças para eventuais catástrofes. Os alunos são orientados para desenvolver as ações preventivas, de socorro, assistenciais e reconstrutivas.

Ponta Porã é uma cidade privilegiada, por ter a primeira Secretaria Municipal de Segurança Pública do Estado, que atua numa região de fronteira seca, e herda homens dignos que servem com profissionalismo, dedicação e respeito, combatendo com bravura os desafios diários.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPERAÇÃO HÓRUS
Veículo furtado com quase meia tonelada de maconha foi recuperado pelo DOF
EDUCAÇÃO
Prouni: MEC abrirá em maio inscrições para bolsas remanescentes
JUTI
Polícia Militar apreende veículo com chassi adulterado
COTAÇÃO
Dólar fecha acima de R$ 5,70 em meio a incertezas políticas e fiscais