Menu
Busca domingo, 09 de maio de 2021

Beckham diz que Galaxy pode fazer "qualquer coisa" para contratar Kaká

Beckham diz que Galaxy pode fazer "qualquer coisa" para contratar Kaká

03 dezembro 2012 - 16h20
Uol

Depois de deixar o Los Angeles Galaxy, dos Estados Unidos, o meia inglês David Beckham disse que o agora ex-clube pode fazer “qualquer coisa” para tentar contratar o meia brasileiro Kaká, do Real Madrid.

No último final de semana, Tim Leiweke, presidente da Anschutz Entertainment Group, atual proprietário da franquia do Galaxy, admitiu o interesse no brasileiro. E Beckham deu seu aval.

“Se existir alguma chance de contratar Kaká, os proprietários do Galaxy fariam qualquer coisa. É um talento, uma grande pessoa e um grande trabalhador. Joguei com ele no Milan e é um dos jogadores mais profissionais com quem atuei. Ainda é um jogador do Real e é uma falta de respeito falar disso, mas creio que a grande maioria dos clubes gostaria de ter Kaká”, falou.

O clube americano já havia demonstrado confiança na contratação. “Somos conscientes do interesse de Kaká na MLS [Liga note-americana de futebol] e deixamos claro que nosso interesse nele. Temos uma boa relação com o Real Madrid e como trabalhamos com eles há seis anos [na chegada de Beckham], estou convencido que nesta ocasião podemos finalizar um acordo”, falou à revista Sports Ilustrated.

A ideia da diretoria do Real Madrid é, com o dinheiro economizado com a saída do brasileiro, entre salários e outras despesas, investir em outro astro: Cristiano Ronaldo. De acordo com a imprensa local, um dos motivos da insatisfação do português no Real é em relação ao seu salário, que ele julga ser inferior ao que poderia ganhar pelo seu talento.

A tendência é que o salário de Ronaldo fosse aumentado e passaria a ser de aproximadamente 15 milhões de euros (R$ 40 milhões). Atualmente, Kaká recebe cerca de 10 milhões de euros (R$ 27 mi). Como o brasileiro tem contrato até junho de 2015, a equipe espanhola economizaria quase R$ 60 milhões, que poderiam satisfazer o astro português.

Além do Galaxy o New York RB,também dos Estados Unidos, é outro clube apontado como possível destino de Kaká. A saída dele, aliás, não depende só do clube. O Real teria de convencer o camisa 8, que segue treinando normalmente, a deixar a Espanha.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Região
PMA de Naviraí surpreende dois caçadores e apreende duas armas e munições escondidas
POLÍTICA
Bolsonaro faz passeio de moto em homenagem ao Dia das Mães
INFRAESTRUTURA
Abertura de novos corredores logísticos dará mais competitividade ao agronegócio de MS
BRASIL
Sinal digital de TV já chega a 90% dos brasileiros