terça, 27 de fevereiro de 2024

Na prévia da semifinal da Copa do Brasil, Grêmio faz 1 a 0 no Palmeiras

28 maio 2012 - 07h40Por ESPN
No duelo entre os times que irão se encontrar no mês que vem disputando uma vaga na final da Copa do Brasil, o Grêmio venceu o Palmeiras por 1 a 0 no estádio Olímpico e chegou aos três primeiros pontos no Campeonato Brasileiro. O Palmeiras, por sua vez, segue com um ponto ganho após empatar na estreia.

Depois de um primeiro tempo disputado, mas sem grandes chances de gol, o Grêmio marcou aos 26 minutos da segunda etapa. Fernando cobrou falta e André Lima desviou para o gol de Bruno.

Para o jogo, o técnico Luiz Felipe Scolari deixou Valdivia no banco de reservas, promovendo entre os titulares o jovem Felipe. O chileno entrou no intervalo no lugar do próprio Felipe - vale lembrar que Valdivia, suspenso, não atua no jogo de ida das semifinais. O treinador também poupou Juninho, dando uma chance para Fernandinho na lateral.

Na próxima rodada, só no dia 6 de junho, ambos jogam fora de casa: o Palmeiras visita o Sport às 19h30, enquanto o Grêmio viaja para pegar o Atlético-GO no mesmo horário. Uma semana depois, iniciam a disputa mata-mata pelas Copa do Brasil.

O jogo - O Grêmio tratou de tomar conta da posse de bola assim que o árbitro deu início ao confronto e, logo aos cinco minutos, a torcida local pediu pênalti de João Vitor sobre Miralles, mas Marcelo de Lima Henrique considerou a jogada normal. O Verdão tentou mostrar disposição de buscar o ataque, mas só esboçou alguma iniciativa em jogada que Barcos recebeu na meia-direita, girou e bateu por cima.

Enquanto o time visitante exibia dificuldade para armar jogadas ofensivas, o Grêmio segurava a bola na frente. Marco Antônio chegou pela direita e cruzou para Marcelo Moreno cabecear, mas Bruno segurou a bola. Aos 23, o Tricolor teve uma grande chance para abrir o placar, depois que o árbitro assinalou pênalti de João Vitor sobre Pará. No entanto, Léo Gago desperdiçou ao acertar a cobrança no travessão.

Depois disso, o Palmeiras chegou a avançar, mas não conseguiu ameaçar em cobrança de escanteio de Marcos Assunção e nem no cruzamento de Fernandinho. Pouco depois, Luan recebeu pela esquerda e bateu rasteiro, cruzado, sem que ninguém aparecesse para completar. Aos 33 minutos, Miralles sentiu uma contusão e deixou o jogo para a entrada de André Lima.

O time gaúcho apresentou uma queda de rendimento pelos erros que teve na hora de abrir o placar. Assim, antes do fim do primeiro tempo, Marcos Assunção teve uma cobrança de falta de longe, que foi defendida pelo goleiro Victor. Do outro lado, o Grêmio se reorganizou e aproveitou mais uma vez o espaço dado por Cicinho. Pará recebeu com liberdade e chutou, mas o lateral direito palmeirense apareceu em cima da hora para desviar. Bruno saltou para fazer a defesa.

No intervalo, Felipão tirou Felipe para colocar Valdivia, mas o Palmeiras voltou ao jogo ainda com dificuldades para criar lances de perigo. Por isso, a responsabilidade ficava toda nos pés de Hernán Barcos, que apostou em jogadas individuais. Na primeira, o argentino passou por duas vezes por Naldo, chegou perto da linha de fundo pela esquerda e chutou, mas Victor espalmou. Na outra tentativa, o Pirata arriscou de fora da área e a bola saiu fraca.

Ao constatar o crescimento do adversário, Luxemburgo colocou Rondinelly na vaga de Marco Antônio. Apoiado pelo grito de sua torcida, o Tricolor partiu para o ataque, ainda exibindo dificuldades para ameaçar efetivamente a meta do goleiro Bruno. Aos 24, Rondinelly dominou pela esquerda, livrou-se da marcação e bateu rasteiro, perto da trave.

Aos 25, Felipão mandou Maikon Leite a campo, na vaga de Barcos. Entretanto, o treinador não teve tempo de ver o comportamento do time com a mudança, pois os donos da casa abriram o placar no minuto seguinte. Fernando cobrou falta de longe e André Lima fez um leve desvio de cabeça para as redes.

O gol fez o Grêmio crescer no jogo, enquanto oa equipe paulista passou a se mostrar mais nervosa. Felipão ainda tentou alterar a postura da equipe, substituindo o volante Marcos Assunção pelo atacante Betinho, mas os visitantes não conseguiram reagir e amargaram a derrota.

FICHA TÉCNICAGRÊMIO 1 X 0 PALMEIRAS
Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Data: 27 de maio de 2012, domingo
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (Fifa/RJ)
Assistentes: Marco Santos Pessanha (RJ) e Ediney Guerreiro Mascarenhas (RJ)
Cartões amarelos: Rondinelly, Vilson, Fernando (Grêmio). Marcos Assunção (Palmeiras)
GOL: GRÊMIO: André Lima, aos 26 minutos do segundo tempo

GRÊMIO: Victor; Gabriel, Gilberto Silva, Naldo e Pará; Fernando, Souza, Léo Gago e Marco Antônio (Rondinelly); Miralles (André Lima) e Marcelo Moreno (Vilson)
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

PALMEIRAS: Bruno; Cicinho, Leandro Amaro, Henrique e Fernandinho; Márcio Araújo, Marcos Assunção (Betinho), João Vitor e Felipe (Valdivia); Luan e Barcos (Maikon Leite)
Técnico: Luiz Felipe Scolari

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE

País tem quase 20 mil novos diagnósticos de câncer de pênis em 9 anos

CONSUMIDOR

Projeto proíbe comprar imóveis, carros e obras de arte com dinheiro vivo

SAÚDE

Brasil já registra metade dos casos de dengue contabilizados em 2023

GESTÃO PÚBLICA

Titular da pasta de parcerias estratégicas de MS recebe prêmio nacional de infraestrutura na B3