Menu
Busca quinta, 13 de maio de 2021

3º Encontro Nacional de Corais dos Tribunais de Contas reúne grande público em C

3º Encontro Nacional de Corais dos Tribunais de Contas reúne grande público em Campo Grande

01 dezembro 2012 - 10h20
divulgação (TP)

Nesta quinta-feira (29/11) foi realizada a abertura oficial do 3º Encontro Nacional de Corais dos Tribunais de Contas, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, em Campo Grande. Mesmo com chuva, um grande público compareceu ao auditório Manoel de Barros para prestigiar as apresentações dos Corais.

Depois da interpretação do Hino Nacional Brasileiro, e do Hino de Mato Grosso do Sul, o coral do TCE/MS, sob a regência da maestrina Renny Graeff Sudbrack, saudou os presentes com a Canção da Cordialidade, de Heitor Villa Lobos.

O presidente do TCE/MS, conselheiro Cícero de Souza, agradeceu a presença de todos e disse que iniciativas como essa engrandecem os Tribunais de Contas e projetam a instituição no cenário cultural e musical. Ele fez questão de ressaltar a importância do coral como ferramenta de integração social.

“O canto coral auxilia o servidor no seu crescimento pessoal e, a partir daí, em sua motivação profissional e social. É isso o que temos visto acontecer em nossa Corte de Contas graças à atividade de nosso coral, que tem uma brilhante trajetória de 18 anos sob a regência da maestrina Renny Graeff, um exemplo de talento, dedicação, trabalho e superação”.

O conselheiro corregedor do TCE/MS, Ronaldo Chadid, elogiou a iniciativa do presidente (conselheiro Cícero de Souza), e disse que promover a arte e a cultura é fundamental. “É necessário que haja esse congraçamento, ainda mais agora que estamos próximos do Natal”.

O 3º Encontro Nacional de Corais dos Tribunais de Contas reúne mais de 250 coralistas de 11 Tribunais de Contas de todo o País. Neste ano participam do evento os corais dos Tribunais de Mato Grosso do Sul, Sergipe, Goiás, Rio Grande do Norte, São Paulo, Ceará, Distrito Federal, Paraíba, Rio Grande do Sul, Amazonas e Mato Grosso.

A coordenadora do Encontro, Soraia Fernandes Ferreira, agradeceu o empenho do presidente do TCE/MS, conselheiro Cícero de Souza, em trazer o evento para Mato Grosso do Sul. “Nosso presidente nos deu esse presente”, ressaltou.

Logo após a apresentação do professor Nillo Cunha, que ao piano executou “A Valsa da Dor”, de Heitor Villa Lobos e “Montagues and Capulets”, de Sergei Prokofiev, o público pode conferir as apresentações do Coral Contas em Cantos, do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe.

Sob a regência do professor Paulo César Prado Andrade, o Coral apresentou quatro músicas: Hino Kyrie; Banzo Maracatú; Cheiro da Terra; e Qui Nem Jiló. O público gostou das apresentações, e o coral foi muito aplaudido.

Com a música “Goiano de Todo Canto”, os coralistas de Goiás iniciaram uma belíssima apresentação que encantou os participantes. Sob a regência da maestrina Joana Christina Brito de Azevedo, apresentaram ainda outras três músicas: O Trenzinho Caipira; Medley Tim Maia; e Cancion com Todos.

O coral do TCE/MS foi o último a se apresentar, e sob a regência da maestrina Renny Graeff Sudbrack, brindou os participantes com um show de sonoridade, interpretação e técnica vocal.

O Coral fez uma viagem musical, e buscou nas raízes da música européia a essência de Mozart, com “Laudate Domine”. Depois cantou lindamente “Mira Ira”, numa referência as raízes da América. Na música “Xangô”, um passeio pelos sons africanos. “Arrastão”, canção vendedora do Festival de 1985, nos trouxe de volta à música brasileira. E por último, um clássico da Música Regional: “Chalana”. A canção contagiou o público, que junto com os coralistas cantaram a uma só voz.

De acordo com a programação desta sexta-feira (30.11), os coralistas devem participar, pela manhã, de uma oficina, que trata da importância da preparação do ensaio para o sucesso do concerto, proferida pelo maestro Carlos Taubaté, do Tribunal de Contas de Mato Grosso. Á noite, a partir das 19h, estão previstas as apresentações de seis corais: Coral Canto de Contas, do TCE/RN; Coral dos Servidores, do TCM/SP; Coral de Contas Terra da Luz, do TCM/CE; e do TCE/DF, do TCE/PB e do TCE/RS.
Alexsandra Oliveira

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPACIDADE
Subjuv abre inscrições para curso de desenvolvimento de aplicativos
SAÚDE
Covid-19: Brasil registra 76.692 casos e 2.494 mortes
TEMPO
Vento sul contribui para mais um dia de temperaturas amenas em Mato Grosso do Sul
SAÚDE
Perfil genético torna paciente mais suscetível à covid-19, diz estudo