Menu
Busca segunda, 02 de agosto de 2021

Aldo diz que não pretende fazer novos convênios com ONGs no Esporte

27 outubro 2011 - 23h18Por Estadão
O novo ministro do Esporte, Aldo Rebelo, afirmou que não pretende fazer novos convênios com organizações não-governamentais. Em entrevista na Câmara dos Deputados nesta tarde, Aldo afirmou que a intenção é firmar parcerias com órgãos públicos, como prefeituras. A decisão não se restringiria ao programa Segundo Tempo. 'Como ministro, no Ministério, não pretendo fazer convênios com ONGs', disse Aldo Rebelo.

Os convênios com este tipo de entidades estão por trás da queda de Orlando Silva. Fraudes em contratos e denúncias de desvios de recursos tornaram a situação do ex-ministro insustentável e levaram a sua queda na noite de ontem. Antes da queda, Orlando Silva já tinha anunciado o fim de convênios com entidades dentro do programa Segundo Tempo, mas agora Aldo fala em ampliar essa restrição para todas as áreas do ministério.

O novo ministro afirmou não saber se é possível suspender os convênios em vigência, mas reiterou que a intenção é daqui para frente firmar parcerias apenas com outros órgãos públicos.

Ele comentou ainda a questão da meia-entrada para estudantes na Copa do Mundo. Ressaltou ter iniciado sua carreira política no movimento estudantil e diz ser favorável ao benefício. Ressaltou, porém, que pretende defender a posição do governo em relação à Lei Geral da Copa.

O governo federal tem defendido deixar este tema para ser debatido diretamente entre a Fifa e estados e municípios que tem leis sobre o tema.

Deixe seu Comentário

Leia Também

INVESTIGAÇÃO EM SP
Homem leva menina de 15 anos ao hospital e diz que ela morreu após sexo; polícia investiga
ECONOMIA
Impostômetro atinge a marca de R$ 1,5 trilhão
Esse é o montante pago em tributos federais, estaduais e municipais
EDUCAÇÃO
Volta às aulas: especialistas explicam em 10 pontos como fazer um retorno mais seguro
ESPORTES
Bronze olímpico nos 50 m livre coroa regularidade de Bruno Fratus