Menu
Busca domingo, 17 de outubro de 2021

Douglas desabafa, dispara contra Grêmio e relata atraso de direitos

08 fevereiro 2012 - 14h01Por Terra
Reforço do Corinthians para a temporada, o meia Douglas desabafou nesta quarta-feira contra a diretoria do Grêmio, clube em que atuou nos últimos dois anos. Por meio de comunicado emitido em seu Twitter, o jogador disparou contra o diretor executivo do time gaúcho, Paulo Pelaipe, afirmando que o cartola lhe "diminuía" e "jogava a torcida" contra si.

"O Pelaipe mandou outro empresário (que nada tem a ver comigo) me oferecer aos quatro cantos, depois queria pagar a divida que o Grêmio tem com o Palmeiras me mandando pra lá. Isso faz o jogador se sentir valorizado? Tinha ambiente pra eu continuar?", disse Douglas, que ainda relatou atraso em seus vencimentos.

"Tenho enorme respeito pela torcida, tanto é que fiquei oito meses sem receber minha imagem e nunca reclamei em publico para não conturbar o ambiente, muito menos deixei de me empenhar dentro de campo", afirmou.

Douglas assinou com o Corinthians na última terça-feira, e será apresentado hoje. Ao fim de seu comunicado, o jogador explicou que não pretende mais falar sobre o Grêmio, e que seu foco será somente o time alvinegro, no qual jogou entre 2008 e 2009.

Galera, aguentei muita coisa calado e agora que ja assinei o meu contrato com o Corinthians posso falar sobre a minha saida do Gremio. Em primeiro lugar quero dizer que tenho enorme respeito pela torcida, tanto é que fiquei 8 meses sem receber minha imagem e nunca reclamei em publico para nao conturbar o ambiente, muito menos deixei de me empenhar dentro de campo.

O que ganhei em troca disso foram declarações do Pelaipe me diminuindo e incentivando a torcida contra mim. Foi justamente isso que me deixou sem ambiente no Gremio e fez com que eu tomasse a decisão de mudar de clube.

O Pelaipe mandou outro empresario (que nada tem a ver comigo) me oferecer aos 4 cantos, depois queria pagar a divida q o Gremio tem com o Palmeiras me mandando pra la. Isso faz o jogador se sentir valorizado? Tinha ambiente pra eu continuar?

E pra muita gente que ta falando besteira e me chamando de mercenario, é bom que saibam que vou jogar no Corinthians por um salário igual ou menor do que eu poderia ganhar ai. Tudo pela falta de respeito que o Pelaipe teve comigo.

Tem muitos torcedores hostilizando meus empresarios tambem. O que é um absurdo, afinal eles só brigaram pelo que era justo pra mim. Aliás, quero deixar aqui meu agradecimento ao Bruno Paiva, ao Marcelo Goldfarb, ao Marcelo Robalinho e a todos da Think Ball por essa força.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Pfizer entrega mais 1,3 milhão de doses de vacina ao Brasil
CULTURA
Festival da Literatura Indígena terá palestras, oficinas e música
ECONOMIA
Crescem reclamações sobre cobranças indevidas de crédito consignado
POLÍCIA
PMA de Dourados prende e autua dois pescadores por pesca e transporte de pescado ilegal