Menu
Busca segunda, 10 de maio de 2021

Pelo menos 200 indígenas protestam na BR-163 em Miranda

06 setembro 2011 - 08h35
Pelo menos 200 indígenas protestam na BR-163 em Miranda

Midiamax

Cerca de 200 índios estão desde as 5 horas da manhã protestando na BR-163, no trecho entre Miranda e a Aldeia Cachoeirinha. A manifestação é em razão de um atropelamento que ocorreu no sábado na BR que matou uma pessoa e deixou duas feridas.
O acidente provocou a morte de Valdir Pinto, 47 anos, e deixou Florêncio Pinto, 59 anos, Danivaldo Pinto, 35 anos, ferido.

As três vítimas são da Aldeia Cachoeirinha e o autor do atropelamento, segundo testemunhas, seria morador da Aldeia Lagoinha.

O fato está gerando revolta na comunidade indígena de Miranda, uma vez que as polícias civil e militar não têm competência para entrar em terras indígenas e procurar pelo homem indicado como autor do atropelamento.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Fiocruz investiga transmissão da covid-19 entre crianças e adultos
NOVA ANDRADINA
Polícia Militar prende homem por tráfico de drogas
ESTADO
Segurança Pública do MS ganha com a formação de mais 224 escrivães e investigadores da PC
POLÍTICA
Reforma tributária deve ser fatiada em 3 ou 4 projetos, diz Lira