Menu
Busca terça, 11 de maio de 2021

Prefeituras têm até o dia 11 para informar condicionalidades de saúde do Bolsa Família

Prefeituras têm até o dia 11 para informar condicionalidades de saúde do Bolsa Família

02 janeiro 2013 - 14h30
Agência Brasil

As prefeituras locais têm até o dia 11 de janeiro para informar o cumprimento das condicionalidades de saúde de cerca de 4,3 milhões de famílias que recebem o benefício do Bolsa Família e se enquadram no grupo monitorado.

As condicionalidades na área de saúde preveem o compromisso dos pais ou responsáveis de manter atualizado o calendário de vacinação das crianças menores de sete anos e ter acompanhados o crescimento e desenvolvimento. As gestantes e mães que amamentam devem fazer o pré-natal e, após o parto, continuar o acompanhamento da própria saúde e do bebê.

O acompanhamento e registro das condicionalidades de saúde são de responsabilidade do Ministério da Saúde, feitos pelas equipes de saúde dos municípios e dos estados com o apoio do Ministério do Desenvolvimento Social.

Roraima é o estado com maior índice de acompanhamento de 2012 com 82% das famílias com as condicionalidades de saúde já atualizadas. Em seguida, estão o Paraná, com 77,3%, e Sergipe, com 72,5%.

O Bolsa Família é um programa de transferência de renda que beneficia famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza e atende a mais de 13 milhões de famílias, de acordo com dados do Ministério do Desenvolvimento Social. Os valores dos benefícios pagos variam de acordo com as características de cada família, considerando a renda mensal da família por pessoa, o número de crianças e adolescentes de até 17 anos, de gestantes, nutrizes e de componentes da família.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Covid-19: estados pedem manutenção de financiamento de leitos de UTI
PONTA PORÃ
Após denúncia Polícia Militar apreende contrabando de cigarros em veículo
SAÚDE
EUA autorizam vacina da Pfizer para faixa etária de 12 a 15 anos
POLÍTICA
Guedes diz que reforma administrativa será moderada