Menu
Busca terça, 11 de maio de 2021

Procurado pela Interpol, ex-premiê das ilhas Turks e Caicos é preso no Brasil

Procurado pela Interpol, ex-premiê das ilhas Turks e Caicos é preso no Brasil

07 dezembro 2012 - 17h00
EFE

Ex-primeiro-ministro das ilhas caribenhas Turks e Caicos procurado pela Interpol por delitos de corrupção, Michael Misick foi detido nesta sexta-feira em um aeroporto do Rio de Janeiro, informaram fontes oficiais.

Misick, de 50 anos, foi detido no aeroporto Santos Dumont, segundo informações divulgadas pela Polícia Federal, que acrescentou que o detido é um fugitivo internacional procurado pelas autoridades.

Segundo a "Agência Brasil", Misick estava embarcando com destino a São Paulo quando foi surpreendido por agentes da Interpol que estavam atrás dele há um ano.

De acordo com esta versão, Misick, que é acusado por delitos de corrupção e formação de quadrilha, foi preso após uma ordem de detenção emitida no último dia 22 pelo juiz Ricardo Lewandowsky, do Tribunal Supremo Federal do Brasil, a pedido do Governo do Reino Unido.

Misick, que liderou o governo de Turks e Caicos durante seis anos, foi levado à Superintendência policial da cidade para prestar declarações.

O político renunciou em março de 2009 depois do Reino Unido anunciar sua intenção de suspender parcialmente a Constituição da ilha caribenha por acusações de corrupção contra o líder.

Com cerca de 30 mil habitantes, Turks e Caicos são um território britânico ultramarinho com governo autônomo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Covid-19: estados pedem manutenção de financiamento de leitos de UTI
PONTA PORÃ
Após denúncia Polícia Militar apreende contrabando de cigarros em veículo
SAÚDE
EUA autorizam vacina da Pfizer para faixa etária de 12 a 15 anos
POLÍTICA
Guedes diz que reforma administrativa será moderada