Menu
Busca domingo, 01 de agosto de 2021

Título Interno

18 agosto 2011 - 08h12
Folha.com

A demanda das empresas por crédito cresceu 3,4% em julho na comparação com o mês imediatamente anterior, de acordo com o indicador da Serasa Experian divulgado nesta quinta-feira.

Já em relação ao mesmo mês do ano passado, houve avanço de 6,6%. No acumulado do ano, na comparação com os primeiros sete meses de 2010, a expansão foi de 2,3%.

Os preparativos do setor industrial para a produção destinada às vendas de final de ano, apontam os analistas da Serasa, influenciaram favoravelmente a busca por crédito por parte dessas empresas em julho, impactando o resultado agregado do indicador.

Na análise por porte, as micro e pequenas empresas lideraram a expansão da demanda em julho, com crescimento de 3,6% ante junho.

As grandes empresas registraram elevação de 2,9% nesse mesmo comparativo, enquanto o indicador ficou praticamente estável (0,1%) nas médias.

Os economistas da Serasa destacam que as médias empresas estão sendo afetadas mais intensamente pelo cenário internacional adverso e pelo câmbio valorizado, tendo em vista a maior concentração de exportadoras nessa categoria. No acumulado do ano, esse é o único segmento a registrar queda na demanda por crédito (-0,5%).

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Aneel: bandeira tarifária de agosto se manterá vermelha
BR-262
Homem morre ao ficar preso entre as ferragens após carro cair em valeta de rodovia no MS
POLÍCIA
Drone, drogas e celulares são apreendidos pelo DOF momentos antes de chegarem aos internos da PED
SAÚDE
Covid longa: pacientes 'recuperados' podem ter problemas de raciocínio e memória, aponta pesquisa