terça, 27 de fevereiro de 2024

Marçal diz liderar pesquisa e espera ratificar pré-candidatura nos próximos dias

11 maio 2012 - 09h29Por Marcos Santi/Mídia Max
O deputado federal Marçal Filho garantiu ter em mãos o resultado da pesquisa IBOPE (Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística) que definirá o pré-candidato a prefeito de Dourados pelo PMDB. Segundo o parlamentar, o levantamento aponta seu nome à frente do deputado federal Geraldo Resende e da vereadora Délia Razuk, que também disputavam a indicação do partido.

Marçal garantiu que a pesquisa é a mesma que havia sido encomendada pelo PMDB em reunião com o governador André Puccinelli (PMDB). “Em outras pesquisas que tive conhecimento meu nome também aparece melhor, mas foi feito um acordo público de que a pesquisa do IBOPE é que definiria o pré-candidato e nós temos que respeitar isso”, frisou.

Segundo o Marçal, ele foi o único dos três peemedebistas que defendeu a escolha do pré-candidato por meio de vários institutos de pesquisa. “Não temo nenhuma pesquisa, mas não vou aceitar nenhuma manipulação. Aceitei a contragosto um instituto só, mas os outros pré-candidatos é que quiseram assim”, afirmou.

O parlamentar atribuiu a vitória na disputa interna ao seu mandato na Câmara dos Deputados. “Isso mostra que o meu trabalho em Brasília está sendo bem visto pela população e isso nos deixa muito feliz, o reconhecimento”, comemorou o deputado que está em seu quarto mandato.

De acordo com Marçal, o próximo passo será a homologação de sua pré-candidatura. “A primeira coisa a se fazer é ter reafirmada a nossa pré-candidatura no diretório municipal e ai sim começar a conversar com os outros partidos”, pontuou.

O deputado adiantou que espera receber o apoio tanto de Délia, quanto de Geraldo para a ratificação de sua pré-candidatura. “O Geraldo reluta um pouco, ele quer outras pesquisas, mas tem dito que vai se engajar”, revelou Marçal.

Indagado sobre a possibilidade de o PMDB tentar inviabilizar sua pré-candidatura para apoiar o prefeito Murilo Zauith (PSB), pré-candidato à reeleição, Marçal descartou. “Foi acordado em reunião com o governador André Puccinelli que o pré-candidato seria definido por meio dessa pesquisa, então temos que respeitar isso”, reiterou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE

País tem quase 20 mil novos diagnósticos de câncer de pênis em 9 anos

CONSUMIDOR

Projeto proíbe comprar imóveis, carros e obras de arte com dinheiro vivo

SAÚDE

Brasil já registra metade dos casos de dengue contabilizados em 2023

GESTÃO PÚBLICA

Titular da pasta de parcerias estratégicas de MS recebe prêmio nacional de infraestrutura na B3