segunda, 22 de julho de 2024

Colisão entre carreta e ônibus escolar deixa sete feridos na BR-163

Colisão entre carreta e ônibus escolar deixa sete feridos na BR-163

30 novembro 2015 - 11h15
Um ônibus escolar da prefeitura de Sonora, cidade localizada na região Norte do Estado, com 19 passageiros, entre eles 15 alunos e quatro mães, se envolveu em um acidente com uma carreta, onde sete passageiros sofreram ferimentos leves. O acidente aconteceu na rodovia BR-163, na rotatória de acesso a cidade de Sonora.

Segundo informações do site Idest, a carreta Scania, com placas de São Marcos, no Rio Grande do Sul, dirigida por Volmar Luiz Dão Lago, de 36 anos, seguia pela BR-163 sentido Sonora/Pedro Gomes e quando chegou na rotatória que dá acesso a Sonora, não respeitou a preferencial do ônibus, que iria entrar na cidade, quando ocorreu a colisão.

O ônibus que presta serviços a Prefeitura Municipal, era dirigido por Rivanir Domingos Freitas, de 60 anos, e levava cerca de 19 passageiros que residem no Pantanal, região dos Bispos. Freitas ainda tentou desviar da carreta, caso contrário, a colisão teria sido ainda mais forte.

Três alunos e quatro mães foram encaminhados para o Hospital Municipal de Sonora, pela equipe da CCR MSVia, com ferimentos leves.

A Polícia Militar esteve no local controlando o trânsito. De acordo com o sargento de plantão Dominoni, o motorista da carreta irá responder, além dos trâmites infracionais do trânsito, por não ter respeitado a preferencial, também por lesão corporal leve, uma vez que ocasionou ferimentos aos passageiros do outro veículo envolvido.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Início de operação da fábrica de Ribas do Rio Pardo consolida MS como vale da celulose

ECONOMIA

Mercado voluntário de carbono no Brasil recua em 2023

Dados são do Observatório de Bioeconomia da FGV

BRASIL

Conab recebe mais R$ 115 milhões para apoio à comercialização da agricultura familiar

DIREITOS HUMANOS

Cimi: políticas públicas ainda não frearam violência contra indígenas

Relatório cita fortalecimento e retomada de ações de fiscalização