Menu
Busca sábado, 15 de maio de 2021

Operação da PF busca integrantes de 5 quadrilhas de contrabando de cigarro em MS

14 setembro 2011 - 15h30
Operação da PF busca integrantes de 5 quadrilhas de contrabando de cigarro em MS

Campograndenews

A Polícia Federal de Naviraí deflagrou nesta manhã a Operação “Marco 334”, com o objetivo de desarticular cinco quadrilhas de contrabando de cigarros do Mato Grosso do Sul. A ação prevê o cumprimento de cumprir 37 mandados de busca e apreensão, 26 mandados de prisão preventiva, 10 de condução coercitiva e seqüestro de 81 contas bancárias, além de móveis em nomes dos integrantes da quadrilha.

De acordo com a PF, os mandados devem ser cumpridos em 10 municípios do Estado, além do município de Guaíra, no Paraná, que faz fronteira com MS e onde a quadrilha mantinha comparsas. Participam da operação 169 policiais e 40 viaturas dos dois Estados.

Os contrabandistas atuavam na divisa do Brasil com o Paraguai, próximo às cidades de Mundo Novo e Eldorado, mas fornecia cigarros para todo Mato Grosso do Sul e os estados de São Paulo, Paraná, Minas Gerais e Goiás.

A operação é resultado de 17 meses de investigações, com 40 inquéritos policiais, que resultaram na prisão de 57 pessoas e apreensão de 72 caminhões e carretas. Entre 2009 e 2010 foram apreendidos 31 milhões de maços de cigarro e só neste ano já são 10 milhões.

Segundo estimativa da Polícia Federal, o cigarro contrabandeado representa a sonegação de mais de R$ 11 milhões em impostos.

Mas as investigações também apontam que a quadrilha comercializa armas, medicamentos, eletrônicos, agrotóxicos e drogas.

A PF ainda não tem resultados da Operação deflagrada hoje, mas espera que até o fim da manhã seja feito o primeiro balanço das apreensões e prisões.

O nome da operação faz menção ao marco número 334, um dos 901 que fazem a divisa do Brasil com o Paraguai. Situado entre as cidades de Mundo Novo/MS e Japorã/MS, ele é um ponto de passagem estratégico para os contrabandistas em geral e, coincidentemente, o número do artigo do código penal brasileiro que criminaliza o contrabando e o descaminho.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Covid-19: país tem 15,5 milhões de casos acumulados e 434,7 mil mortes
TECNOLOGIA
Começa a valer hoje nova política de privacidade do WhatsApp
MEIO AMBIENTE
Polícia Militar Ambiental de Bonito captura seriema com perna quebrada
AGEPEN
Por intermédio da Agepen, primeira certidão de nascimento digital de preso indígena é emitida em MS