Menu
Busca quarta, 23 de junho de 2021
Governo - Campanha - O Estado que cresce (Nota Premiada) - Junho 2021
MEIO AMBIENTE

PMA intensifica fiscalização depois de apreensão de quase 1 km de redes e apreende mais petrechos

19 maio 2021 - 10h15Por PM-MS

Uma das maiores preocupações da PMA é relativa à prevenção à pesca predatória são os petrechos proibidos que são armados por infratores, principalmente as redes de pesca, que além do alto poder de captura e depredação de cardumes, existe muita dificuldade de se prender os autores devido ao pouco tempo de exposição para armá-los nos rios. Por esta razão, mesmo que não sejam presos esses infratores, a intensificação deste tipo de fiscalização de retirada desses petrechos com alto poder de captura evita a degradação dos cardumes e também impõe prejuízo financeiro aos infratores ao perderem o petrecho ilegal.

Depois da apreensão há dois dias de 25 redes de pesca no rio Paraná, Policiais Militares Ambientais de Bataguassu intensificaram a fiscalização, principalmente para a retirada deste tipo de petrecho ilegal. Ontem (18) no rio Paraná, no Lago da Usina Sérgio Motta, onde tinham sido apreendidas as 25 redes, foram retiradas e apreendidas mais três redes de pesca, medindo 150 metros de rede de pesca (petrecho proibido), nos municípios de Bataguassu, Santa Rita do Pardo e Brasilândia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORONAVÍRUS
Mato Grosso do Sul já vacinou 51,8% da população adulta contra Covid-19
BATAGUASSU
Polícia Civil realiza orientações e verificações preventivas em parceria com PRF
CORONAVÍRUS
Sistema de Regulação aponta que de 10 internados em UTI em Campo Grande, 8 são do próprio município
COSTA RICA
Polícia Civil prende em flagrante traficante de drogas pela quarta vez em menos de 2 anos