sábado, 02 de março de 2024

Presos acusados de matar administrador

A Policia Civil esclareceu o roubo seguido de morte em que foi vitima o administrador da Fazenda 2MM Clésio de Almeida, de 66 anos.O crime aconteceu no dia 3 de janeiro, por volta das 5h30, quando a vitima ordenhava o gado

22 maio 2012 - 11h00Por Dourados Agora
A Policia Civil esclareceu o roubo seguido de morte em que foi vitima o administrador da Fazenda 2MM Clésio de Almeida, de 66 anos.O crime aconteceu no dia 3 de janeiro, por volta das 5h30, quando a vitima ordenhava o gado.

Clésio foi surpreendido por três bandidos armados e encapuzados. Ele foi levado para trás da casa e assassinado com um tiro na nuca, sem qualquer chance de defesa. Depois de longas investigações, policiais localizaram os bandidos que foram presos: Weslen Ferreira dos Santos Almeida “Xerenga”, Edinaldo Santos de Medeiros, Everton Santos Grein “Macarrão”, Heverthon Leonarddo Marafigo Wehle que integra a quadrilha do bandido conhecido apenas como “Hermano” e que está foragido.

A ousadia dos bandidos chega a surpreender. Sabendo que parte da quadrilha estava presa, um outro grupo já tinha planos de invadir a delegacia e incendiar o veiculo que está em poder da pericia. A intenção era apagar qualquer vestigio de provas contra eles. O fato só não foi consumado devido os policiais já saberem que isso poderia acontecer e foi pedido reforço para a delegacia.

No dia do crime contra o adminstrador da fazenda, os assaltantes tinham informações privilegiadas sobre a rotina da propriedade, inclusive, que residiam no local apenas Clésio e sua esposa de 73 anos. Outra informação que eles tinham conhecimento é que o casal de idosos guardava dinheiro na residência.

QUADRILHA PRETENDIA INVADIR DELEGACIA E APAGAR PROVAS CONTRA ELES

Após matarem Clésio, os assaltantes roubaram a carteira e outros pertences da vitima e fugiram com o seu veiculo Gol levando também a esposa da vitima como refém. Após percorrerem aproximadamente trezentos metros, os bandidos perderam o controle do veiculo e colidiram contra a cerca do corredor da fazenda antes mesmo de chegar a estrada vicinal que dá acesso ao município de Iguatemi.

Após baterem o veiculo da vitima, que ficou danificado, os assaltantes correram abandonando também a refém e se dividiram sendo que um deles com a arma em punho ao chegar a estrada vicinal MS-180 rendeu um motorista de um veiculo Fiat Strada que passava próximo ao local e com a arma apontada para a cabeça do mesmo obrigou-o a dirigir em alta velocidade para Tacuru. Emterritório paraguaio, divisa com Sete Quedas, ele abandonou o motorista e fugiu com o veiculo Fiat Strada.

Com os dados em mãos e informações precisas, foi pedido a prisão preventiva dos envolvidos. Outros três bandidos integrantes da quadrilha, que planejavam tomar a delegacia e soltar os presos, foram detidos e posteriormente liberados onde responderão por formação de quadrilha.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL

Mistura de biodiesel no diesel sobe para 14% a partir desta sexta

TRABALHO, PREVIDÊNCIA E ASSISTÊNCIA

Proposta isenta Santas Casas e hospitais filantrópicos de tarifas bancárias

JUSTIÇA

Barroso marca julgamento sobre porte de drogas para próxima semana

CIDADE E TRANSPORTES

Projeto prevê reteste gratuito de prova prática do Detran a beneficiário do Cadúnico