terça, 21 de maio de 2024
ORDEM DO DIA

Autorizada alienação de imóvel em Porto Murtinho

13 julho 2022 - 11h30Por ALEMS

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS) realizou a última sessão antes do recesso parlamentar e os deputados estaduais apreciaram as seis propostas pautadas na Ordem do Dia desta quarta-feira (13). O destaque foi aprovação do Projeto de Lei 197/2022, que autoriza o Poder Executivo a alienar, mediante licitação, imóvel no município de Porto Murtinho, com área de 47.363,81 metros quadrados.

Na justificativa do projeto, o governo fez questão de destacar que não há interesse do Estado em ser proprietário de terminal hidroportuário, nem tampouco de realizar sua gestão. A alienação do imóvel teve a caducidade do contrato de concessão da Agência Portuária de Porto Murtinho (APPM) declarada pelo Decreto Estadual 15.856/2022.

“Sendo inoportuna e inconveniente a contratação direta e a gestão própria do terminal hidroportuário pela Secretária de Estado de Administração e Desburocratização [SAD], devendo a referida alienação ocorrer na forma exigida na legislação federal”, disse o governador Reinaldo Azambuja, em mensagem ao Legislativo.

Azambuja ressaltou ainda que “Porto Murtinho tem despertado interesse de grupos empresariais privados e empresas que operam em outros países com investimentos futuros de gestão, operação e manutenção, e naquela região há demanda suficiente para operações de exportação e importação pelo município”. O projeto, aprovado em sessão ordinária e extraordinárias, segue para sanção do governador.

Demais matérias

Em redação final, foi aprovado o Projeto de Emenda Constitucional 1/2022, de autoria do deputado Paulo Duarte (PSB) e assinada por outros parlamentares, que prevê licença maternidade para ocupantes de cargo eletivo na Assembleia Legislativa.

Quatro proposições foram aprovadas em segunda discussão. O Projeto de Lei Complementar 4/2019, do deputado Evander Vendramini (PP), dispõe sobre a elaboração, a redação, a alteração e a consolidação das leis estaduais.  Também da mesma autoria, o Projeto de Lei 110/2021 insere parágrafo ao artigo 1º da Lei 5.163/2018, que dispõe sobre a obrigatoriedade da presença de profissionais de odontologia nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs).

O Projeto de Lei 158/2022, do Poder Judiciário, altera dispositivo da Lei 3.310/2006, que dispõe sobre Estatuto dos Servidores Públicos do Poder Judiciário do Estado de Mato Grosso do Sul. A proposta conta com parecer favorável da Comissão de Serviço Público, Obras, Transporte, Infraestrutura e Administração. O objetivo é tornar mais simples o reajuste da assistência médico-social para aos servidores, retirando da lei o percentual que determina o valor do benefício.

Do Poder Executivo, o Projeto de Lei 109/2022 altera a redação de dispositivo da Lei 5.676/2021, que cria a Fundação de Apoio e Desenvolvimento à Educação Básica do Estado de Mato Grosso do Sul, para prever a forma de indicação e de nomeação do diretor-presidente do órgão.

Moção de Congratulação

Os deputados entregaram Moção de Congratulação aos policiais que prenderam autor de duplo homicídio, ocorrido no início de junho, em Ribas do Rio Pardo. O presidente Paulo Corrêa (PSDB), destacou a rápida ação das autoridades policiais na captura do criminoso.

“Após intensa investigação, o caso foi resolvido em menos de 24 horas. A Assembleia Legislativa reconhece o empenho e dedicação dos policiais civis e militares na resolução do caso”, afirmou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE

SES abre consulta pública para validação da Linha de Cuidado da Pessoa com Sobrepeso e Obesidade

TEMPO

Segunda-feira tem manhã mais fresca e tarde amena

MS

Semana de Combate ao Assédio e à Discriminação do TJMS inicia na próxima segunda (13)

GERAL

Pesquisadoras falam dos desafios de conciliar maternidade com estudos