Menu
Busca terça, 11 de maio de 2021

DIEESE chega a MS com pesquisas que ajudarão nas negociações salariais

08 janeiro 2013 - 07h20Por Assessoria
O escritório regional do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE), apresentou hoje (7) pela manhã o resultado da primeira pesquisa da cesta básica em Campo Grande, que ocupa a 5ª posição no ranking nacional – entre 18 capitais pesquisadas - de cestas básicas econômicas. O custo de (13) gêneros alimentícios essenciais em Campo Grande foi de R$ 242,94, em dezembro de 2012. Esse e outros trabalhos do departamento vão servir também de subsídio para negociação salarial entre trabalhadores e patrões na Capital e no Estado.

Nelson Benitez, vice-presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Campo Grande – SECCG, que participou da coletiva, disse que a chegada do DIEESE em Mato Grosso do Sul vai ajudar na elaboração de dados e informações importantes como essa da evolução da cesta básica, que serão fundamentais para as negociações salariais com o patronato.

“Nossas negociações para o fechamento de convenções coletivas de trabalho terão maior embasamento, com dados reais da realidade econômica de nossa cidade e do Estado, para que tenhamos mais força e alicerce na hora de negociar com a classe patronal”, afirmou Benitez.

José Silvestre Prado de Souza, coordenador de Relações Sindicais do DIEESE explicou que o resultado da pesquisa da cesta básica de Campo Grande indica que a capital tem a quinta cesta mais barata entre as 18 capitais pesquisadas. O valor de R$ 242,94 registrou alta de 1,53% em relação a novembro, mês que ocorreu a primeira coleta de preços.

A supervisora técnica do departamento, Andréia Ferreira, confirmou a intenção do DIEESE de subsidiar os sindicatos associados com dados e estatísticas necessários para as negociações salariais com a classe patronal.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Anvisa orienta suspensão de vacina da AstraZeneca para grávidas
LEGISLATIVO
Deputado Neno Razuk destina R$40 mil em emendas parlamentares a Instituição Juliano Varela
SAÚDE
Segunda etapa da campanha de vacinação contra gripe começa hoje
ECONOMIA
Trabalhadores nascidos em agosto podem sacar auxílio emergencial