segunda, 15 de julho de 2024

Próxima ação de saúde da CCR MSvia será em São Gabriel do Oeste na quarta

Próxima ação de saúde da CCR MSvia será em São Gabriel do Oeste na quarta

24 novembro 2015 - 07h45Por CCR MSVia
A CCR MSVia promove nesta quarta-feira (25), em São Gabriel do Oeste, mais uma edição do Programa Estrada para a Saúde. A ação será realizada no Centro de Apoio ao Turista, localizado no km 614, sentido Norte da BR-163/MS, das 9h às 20h. O evento contará com o apoio especial do Sindicam/MS – Sindicato dos Transportadores Rodoviários de Bens no Estado de Mato Grosso do Sul, e da Prefeitura de São Gabriel do Oeste.

Destinado exclusivamente aos motoristas profissionais de caminhões e carretas, o Programa oferece aos participantes exames clínicos gratuitos como testes de diabetes e triglicérides, medição de colesterol e Índice de Massa Corpórea (IMC) e aferição de pressão arterial. Haverá, ainda, vacinação gratuita contra difteria e tétano (dupla adulto) e hepatite B e corte de cabelo.

Os participantes também receberão orientações sobre como prevenir o câncer de próstata, em referência ao projeto Novembro Azul, esforço mundial para enfrentamento da doença.

“Será uma nova experiência do programa na BR-163/MS, desta vez em parceria com o Sindicam/MS e a Prefeitura de São Gabriel”, diz Lígia Elena de Castro, responsável pela iniciativa. “Nossa proposta é atingir cada vez mais caminhoneiros que circulam na rodovia e essa oportunidade em São Gabriel do Oeste promete um grande sucesso”.

Serviço

Programa Estrada para a Saúde da CCR MSVia

Quarta-feira - Dia 25/11/15, das 9h às 20h

Local: Centro de Apoio ao Turista - km 614, sentido Norte da BR-163/MS – São Gabriel do Oeste/MS

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA

Atraso em sistema de tecnologia paralisa saques do Fundo PIS/Pasep

ECONOMIA

Caixa libera abono do PIS/Pasep para nascidos em setembro e outubro

DIREITOS HUMANOS

Conferência pede recursos para direitos de pessoas com deficiência

INCLUSIVO

Como está a saúde mental da juventude de MS? Responda à consulta pública lançada pela Cidadania