06/09/2017 14h39

Membros de quadrilha que usava adolescentes no tráfico de drogas são presos

 
 

Dez pessoas foram presas nesta quarta-feira (6) suspeitas de fazerem parte de uma organização criminosa que usava adolescentes no tráfico de drogas, em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá. A operação ‘Impúbere’ cumpriu sete mandados de prisão preventiva e 17 buscas e apreensões.

Segundo a Polícia Civil, das 10 pessoas que foram presas, seis são por força dos mandados de prisão preventiva e três foram autuadas em flagrante por tráfico de drogas. Uma mulher foi presa na cidade de Poxoréu, a 259 km de Cuiabá, por tráfico e corrupção de menores.

Na ação, os policiais apreenderam várias porções de maconha e pasta base. A ação teve como alvo o tráfico de drogas, o comércio de arma de fogo e roubos. As investigações apontam que os envolvidos atuam no tráfico de drogas usando adolescentes para efetuar a venda do entorpecente, além de fomentar o comércio de armas de fogo e consequentemente os crimes contra a vida.

A operação busca prender uma associação criminosa constituída por um casal, responsável por crimes de roubo à residência e pelo intenso comércio de drogas. Os criminosos tinham como "clientes" os usuários e outros traficantes de Rondonópolis e região.

Os suspeitos, marido e mulher, utilizavam a filha de 14 anos para fazer a entrega do entorpecente comercializado através de uma motocicleta.

Conforme a Polícia Civil, 19 pessoas são investigadas pelos crimes de roubo majorado, associação criminosa majorada, tráfico de drogas, associação para o tráfico e corrupção de menores.

O nome da operação remete ao termo jurídico: o adolescente impúbere é absolutamente incapaz de exercer pessoalmente os atos da vida civil. São assim considerados os menores de dezesseis anos.

g1

Anuncie | Contato | Expediente | Política de Privacidade

Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído. Copyright 2011 © Conesul News - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por: Lobo Tecnologia&Internet